Para além das finalidades originais de um produto, o design estratégico tem como objetivo propor novas visões e interpretações para este mesmo produto. O designer deve ter a liberdade de extrapolar conceitos e promover novas sensações para um produto que já faz parte do dia a dia das pessoas. Ou seja, é redescobrir e reinterpretar objetos que já fazem parte do cotidiano. Tudo isso, a partir de um novo design.

Ultrapassar as fronteiras colocadas e oferecer novos pontos de vista faz parte das atividades de um design estratégico. A partir de um objeto, é possível despertar emoções e estimular reflexões. 

 

A Kombi e a relação afetiva com um automóvel 

Quando se fala em design estratégico e o mercado automobilístico, é impossível não citar o caso da Kombi. O veículo desenhado pela Volkswagen para, originalmente, carregar cargas, ganhou o coração dos usuários.

Ao perceber que os usuários da Kombi gostam de realizar suas próprias alterações no veículo, para deixá-la com “a cara do dono”, a Volkswagen decidiu por não realizar grandes mudanças no design do veículo durante os 60 anos em que foi fabricada. Isso é nadar contra a corrente do mercado automobilístico, onde os modelos de carros sofrem atualizações constantes. 

A marca de automóveis ouviu seus consumidores e percebeu que a Kombi, mesmo com um projeto antigo, seguiu como um símbolo que vai muito além de ser um meio de transporte. A Kombi representa vivências e laços afetivos. 

 

O design estratégico para segurança dos motoristas

Em 2015, a Fiat, em parceria com agências de publicidade, criaram o projeto Safe Key — uma chave de carro que tem como objetivo identificar o nível de álcool presente no sangue do motorista, impedindo-o de ligar o carro nos casos de embriaguez. 

O projeto não chegou a ser comercializado, mas o protótipo reforça o conceito de que o design pode contribuir para transformar ações da rotina das pessoas. Além de poder ajudar a melhorar a segurança dos motoristas e passageiros.

 

Design colaborativo

A Volks já entendia há algumas décadas a importância de escutar verdadeiramente o seu público. Com o passar do tempo, as grandes montadoras partiram do mesmo pressuposto e começaram a colocar em prática a ideia de cocriação dos veículos com os clientes. 

A Fiat lançou uma plataforma colaborativa para que os clientes pudessem debater acerca da seguinte pergunta: “no futuro que estamos criando, o que um carro deve ter para que eu o chame de meu, enquanto ainda sirva para outras pessoas?”. A partir disso, os designers tinham insights para desenvolver o protótipo de um carro. Algumas sugestões foram desenhadas e colocadas para voto popular. Após um longo caminho de criação colaborativa entre a empresa e o seu público, nasceu o Fiat Mio. 

Analisando alguns cases do passado, podemos perceber que o futuro do design estratégico é promissor no mercado automobilístico. Tecnologia, investimento e os anseios dos clientes transformam a indústria automotiva em direção à inovação. 

Sua marca faz parte do setor automobilístico e busca inovações no design?Manda uma mensagem para a gente, vamos trocar uma ideia e entender como unir forças!

Quer começar um projeto? Criar ou rever sua própria marca? Trabalhamos com soluções criativas e inteligentes para melhorar sua comunicação!

Aliens Design – Agência de Design em Curitiba
© 2019 GMTF DESIGN & COMUNICAÇÃO LTDA. All rights reserved
R. Heitor Stockler de França, 396 – Sala 510
Curitiba – PR | CEP 80030-030

pt_BRPortuguês do Brasil